terça-feira, 12 de maio de 2015

Eu só queria ser diferente, sabe?

"Eu queria ser diferente, sabe? Mas não consigo conviver com pessoas que respiram valores hipócritas. Não me dou a essa humilhação. Porém, eu tentei ser um deles, ser comum e ser mais um, apenas mais um. Entretanto, ao ver a falsidade, a mentira, o interesse, o valor na classe e, principalmente, o individualismo reinando nessas pessoas...Me afastei, pus me sozinho no cantinho do meu quarto, naquele escuro que somente ele me compreende e vi que lá é o melhor lugar onde meu ser pode estar, longe de amigos, família, mulheres, e etc. No entanto, a solidão machuca, machuca e muito, e por mais que eu tente ficar só, que eu goste de estar só, eu não consigo ficar sozinho, então nessas horas meu instinto grita e, na humilhação interna, busco alguém para desabafar.

Eu só queria ser diferente, sabe? Eu queria ver o "level" de amor que as pessoas possuem no coração, daí eu compararia com o ódio que corre em suas veias. Ia ser louco. Na verdade o único louco é a pessoa que te escreve essas palavras sem rumo, totalmente perdido... Eu...Eu queria fugir daqui. Não desse quarto, não dessa casa, não do mundo, mas da vida, assim não me machucaria mais, sei lá, eu só queria ser diferente, sabe?"

Autor: Janderson Sousa

Nenhum comentário:

Postar um comentário